XII Jornada Missionária no Tabor da Liberdade

5 de setembro de 2019

Abertura do Ano Pozzobon

 

Neste domingo, 1º de setembro de 2019, o Santuário Tabor da Liberdade realizou a XII Jornada Missionária. O Encontro da Campanha da Mãe Peregrina de Schoenstatt contou com a presença de mais de 600 pessoas, entre famílias, missionários e coordenadores da Arquidiocese de Belo Horizonte,  Dioceses de Itabira, Luz e Montes Claros. 

 

O Encontro teve início em frente ao Santuário com uma oração, abrindo solenemente o Ano João Pozzobon, em comemoração aos 70 anos da Campanha da Mãe Peregrina. Em seguida em procissão com a Imagem Peregrina Auxiliar todos se dirigiram para a Tenda Tabor, para o dia de formação.  A cantora Fátima Gabrieli abrilhantou o Encontro com suas músicas do Movimento, principalmente as dedicadas ao diácono Pozzobon. 

 

Dimensão Missionária

A Ir. Adriane Maria Andrade Barbosa, proferiu uma palestra baseada no pedido do Pai Fundador : “Levem a Imagem da Mãe de Deus e deem um lugar de honra nos lares…”. Falou sobre a dimensão missionária como identidade da Igreja e que podemos vivenciar isso na Campanha da Mãe Peregrina.

 

 Fez um paralelo entre a VI Assembleia do Povo de Deus e a CMPS. Pelas Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora a Igreja é chamada a ser: Casa da Palavra, Casa do Pão, Casa da Caridade, Casa da Missão. A Mãe Peregrina vai à Casa das famílias e nunca está sozinha, é portadora de Cristo. 

 

A Campanha da Mãe Peregrina é uma forma de evangelizar. Ao levar a Imagem estamos levando Cristo ao encontro do irmão. Nessa missão precisamos manter a humildade, alegria e gratuidade. Temos o diácono João Pozzobon como exemplo, como ele queremos ser alunos do Pe. Kentenich nesta escola de Maria. 

 

Isabel Paiva, coordenadora da Forania São João Bosco, destacou a importância do Movimento está caminhando em conjunto com a Igreja. “O Movimento de Schoenstatt sempre está trabalhando junto com a Igreja (….) está atualizado junto com a VI APD, que nossa Arquidiocese de Belo Horizonte neste ano está revitalizando essas diretrizes.” 

 

 

Benção do Santíssimo

Ainda na parte da manhã, os missionários puderam fazer um momento de Adoração ao Santíssimo Sacramento, pedindo que Jesus os conceda a graça de ser reflexos de Maria. O Padre José Genildo Bezerra da Silva deu a Bênção do Santíssimo.

 

Antes do almoço o  casal Marcelo e Flávia Fernandes – Coordenadores da Região Nossa Senhora Aparecida (RENSA) fizeram um convite aos missionários para participarem da Comunidade de Oração Mariana Eucarística de Schoenstatt. Sendo membro da Comunidade, assumindo o compromisso de rezar nas grandes intenções da Igreja e do mundo, pela conversão dos pecadores, por todos os que sofrem: enfermos, idosos, presos, crianças abandonadas e tantos outros. 

 

Eles também destacaram a importância de neste Ano Pozzobon nos esforçamos para renovar a Campanha da Mãe Peregrina. A importância de que o trabalho missionário seja assumido não só pelas mulheres, mas que os homens de família se sintam inspirados em João Pozzobon a serem grandes evangelizadores. 

 

Como sinal da Providência Divina,  o jovem Kelvin Henrique Souza Brito de Contagem, estava participando pela primeira vez da Jornada, como novo missionário da CMPS. “Para mim, foi um momento único, de poder conhecer mais a fundo sobre a Campanha da Mãe Rainha. Agradeço muito a Mãezinha por todas as graças alcançadas, e por sempre me impulsionar a seguir o caminho que leva ao céu.”

 

 

Seguindo as pegadas de Pozzobon

Na parte da tarde, após o almoço, houve um momento de aprendizado e descontração. Em uma encenação teatral, feita  pela cidade de Pedro Leopoldo duas ovelhinhas dialogaram sobre as funções dos missionários. 

 

De uma forma dinâmica apresentaram os problemas que os missionários hoje enfrentam e como devem assumir realmente seu compromisso. A Margareth Ferreira de Souza Oliveira da Paróquia Santa Mônica de Belo Horizonte, destacou sobre como foi proveitoso essa dinâmica: “Momento de descontração e reflexão.(…) uma excelente forma de evangelização.”

 

Testemunhos

Representantes de diferentes Paróquias puderam dar seu testemunho sobre a sua caminhada na Campanha da Mãe Peregrina baseados em seis pontos:

  • Estudo do ano
  • Visita às Famílias
  • Missa da renovação da Aliança de Amor
  • Missionário orante!
  • Inserção na Paróquia
  • Atualização de listas, troca de imagens

 

Santa Missa

A XII Jornada Missionária foi encerrada com a Santa Missa solene pela Abertura do Ano João Pozzobon, presidida pelo Padre José Genildo. Na homilia Padre Genildo destacou a importância deste encontro de missionários, para refletir sobre este trabalho de evangelização cristã. Frisou a  importância desta missão: “Ser missionário é ser feliz levando Jesus a todas as pessoas, às famílias, crianças, jovens e idosos e hoje quem sabe nesta celebração, muitos tomem a decisão de participar da Campanha, levando a Mãe Peregrina às famílias como missionários.”

 

As famílias, missionários e coordenadores da Campanha foram enviados para suas Paróquias e cidades com o propósito de renovarem a Campanha da Mãe Peregrina neste ano João Pozzobon. Levando a imagem da Mãe de Deus e dando lugar de honra a ela em seus lares. 

 

Clique e veja mais fotos.

 

Por Poliane Bôsco

 

Compartilhe

© 2019 Schoenstatt. Todos Direitos Reservados

Weblite