PSICOLOGIA FAMILIAR

14 de agosto de 2020

 

Família-Escola: Corresponsabilidade

 

O Centro de Educação Infantil Semente de Vida, sempre compartilhou a educação e o cuidado dos seus alunos, estabelecendo corresponsabilidade entre família e escola. Entende-se que quanto mais a escola confia nos pais/responsáveis e os reconhecem como parceiros na educação escolar dos filhos, mais os pais/responsáveis sentem-se envolvidos e dispostos a colaborar. 

 

Nesse período de fragilidade, em que todos foram surpreendidos pela Pandemia do Novo Coronavírus não poderia ser diferente. A partir da observação das famílias e alunos em isolamento social a Instituição readequou o Projeto para o atendimento clínico individual e/ou familiar. Sendo assim, a psicóloga da creche tem realizado atendimentos no Santuário Tabor da Liberdade.

 

A finalidade específica do projeto, nesse momento é ouvi-las, apoiá-las, estudar o(s) caso(s) e promover ações/intervenções individuais e/ou coletivas que as auxiliem em suas angústias, aflições e necessidades, proporcionando um ambiente mais tranquilo e harmonioso, que favoreça o desenvolvimento das relações positivas com os alunos do CEI.

 

Sabemos que a família constitui a unidade dinâmica das relações de cunho afetivo, social e cognitivo, os acontecimentos e as experiências familiares propiciam a formação de repertórios comportamentais, de ações e resoluções de problemas. Nos colocamos inteiramente como parceiros, disponíveis para todas as famílias do CEI, fortalecendo diariamente o vínculo Parceria Família-Escola.

 

 

Acompanhe depoimento da psicóloga do CEI,  Adriele de Fátima Batista, sobre este projeto:

 

A ideia da prestação de atendimento psicológico, em formato clínico, se deu a partir da demanda do momento crítico onde todos se encontram devido a pandemia do covid-19 e consequentemente o isolamento social. Com a suspensão das aulas presenciais, percebemos que as famílias dos alunos precisavam de suporte emocional para lidar com o momento difícil, além de questões pessoais relacionadas a criança matriculada no Centro de Educação Infantil Semente de Vida, quanto ao ambiente entorno. Com o intuito de minimizar os impactos, os atendimentos tiveram início em maio, sendo presencial, no Santuário da Mãe Rainha, em Confins, mantendo e respeitando todas as medidas de segurança definidas em decretos publicados pela Secretaria Municipal de Saúde de Confins. O agendamento se dá a partir do interesse do familiar, onde o mesmo solicita o atendimento e após avaliação são agendados os atendimentos.

 

Percebo nesse momento, o quão importante é esse trabalho, para ambos os lados, pois sempre há uma troca. Estar em contato com as famílias é gratificante, pois expressa a confiança que eles depositam em nosso trabalho e na vida dos seus filhos. Dessa forma o CEI Semente de Vida pode expandir sua proposta de cuidado e educação, visando com o suporte psicológico familiar, manter o bem estar psicossocial da criança e de seus responsáveis. Além de nos proporcionar um olhar diferenciado, fazendo com que tenhamos mais atenção e assim, dar suporte e criar melhorias dentro da própria instituição para mantermos o bem estar e a saúde física e mental das nossas crianças e seus familiares.

 

 

 

Por Danielly da Silva Araújo

 

Compartilhe

© 2021 Schoenstatt. Todos Direitos Reservados

Weblite